em Microsoft, Sem categoria

Hoje temos a disposição uma série de provedores de serviço em nuvem, entre um dos mais populares e confiáveis está o Microsoft Azure.

Com a necessidade de alta disponibilidade de serviços, as empresas estão com uma grande preferência de migrar seus serviços ou até Data Centers completos para nuvem. Corporações que estão no início do processo de migração de serviço, normalmente, tem algumas dúvidas e receios, com esse artigo tentaremos esclarecer algumas dessas dúvidas.

Onde geograficamente meus serviços ou servidores estão?

O Microsoft Azure tem servidores espalhados por todo o mundo e na hora de criar ou migrar seu serviço ou servidor você pode escolher onde ele ficará hospedado. A imagem abaixo mostra as localidades no globo onde estão disponíveis os servidores Azure.

Qual é a disponibilidade de serviço?

Durante algum tempo o Azure vem mantendo uma disponibilidade de serviço bem próxima dos 100%, no ano de 2017 a disponibilidade foi de 99,98%. O provedor de serviço garante a disponibilidade de no mínimo 99,95%, quando contratado os serviços.

É mais caro do que manter meu Data Center interno?

Tudo depende da infraestrutura que você tem, em ambientes muito pequenos e que não exijam um nível de disponibilidade muito alto, talvez o custo do Data Center na nuvem não seja justificável. O que o administrador deve levar em consideração é que para manter um Data Center interno é necessário um alto investimento em algumas coisas, como:

  • Hardware: o hardware de um servidor tem um tempo de vida e constantemente deve ser atualizado. Além do fato que constantemente devemos aumentar os recursos disponíveis adicionando mais memória, disco ou processador.
  • Infraestrutura local: quando o objetivo é ter uma alta disponibilidade de seus servidores e serviços, é uma premissa que o Data Center tenha pelo menos dois condicionadores de ar para manter a temperatura estável.

Além de todos os fatores apresentados, ainda temos a facilidade de implementação de novos servidores e serviços, assim como a fácil escalabilidade de recursos sem ter que se preocupar com o espaço físico onde os servidores irão ficar. No vídeo a seguir, faremos uma breve demonstração da criação de um novo servidor com Windows Server 2016.

 Para mais informações sobre o Azure, entre em contato e converse com nossos especialistas.

Posts recomendados
0

Digite e Pressione Enter para Pesquisar

X